Ações de saúde são intensificadas nos servidores do Instituto de Administração Penitenciária

Diante da pandemia de Covid-19 e dos casos confirmados no ambiente prisional, o Instituto de Administração Penitenciária (Iapen) tem intensificado as ações de combate ao coronavírus e o acompanhamento dos servidores. Por meio do Núcleo de Apoio ao Servidor Penitenciário (Nasp), o órgão realiza o monitoramento dos casos e desenvolve ações de prevenção.

Até o momento, o Iapen já contabilizou 86 casos considerados suspeitos de Covid-19. Destes, 30 foram confirmados com a doença, sendo 27 policiais penais e 3 servidores administrativos. Outros 44 foram descartados. Desta forma, 12 permanecem em análise. É importante destacar que 9 servidores já foram considerados curados e não apresentam o vírus no organismo.

O presidente do Iapen, Arlenilson Cunha, esclareceu que o órgão tem trabalhado com ações preventivas de combate ao vírus e que as orientações são constantes. Além disso, equipamentos de proteção individual são disponibilizados, tais como máscaras, luvas e álcool em gel, por meio de parceria com a Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública (Sejusp).

“O principal objetivo é prestar a assistência necessária para que os nossos servidores possam exercer suas funções com a maior segurança possível. A eles é disponibilizado o material e a devida orientação que é realizada pela equipe técnica do Nasp”, disse.

Além disso, em parceria com a Secretaria de Estado de Saúde do Acre (Sesacre), o Iapen pactuou a realização de exames e testes rápidos para os servidores da instituição, além do agendamento de consultas na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Segundo Distrito. Por meio da Sejusp, o Iapen também encaminha servidores para a realização de testes rápidos na Policlínica.

De acordo com o gerente de Gestão de Pessoas, Frank Goldemberg, 105 servidores já foram identificados dentro do grupo de risco e são monitorados pelo Núcleo de Apoio ao Servidor Penitenciário. “Além do acompanhamento realizado pela Sesacre, os servidores considerados suspeitos e aqueles que são confirmados com a doença recebem o acolhimento pela equipe do Nasp, a qual presta o devido auxílio aos profissionais e familiares”, ressaltou.

Sobre as ações, Goldemberg frisou que aproximadamente 90 servidores do Iapen já realizaram testes para identificação de Covid-19. “Esse número é fruto das nossas parcerias com a Sesacre e com a Sejusp que garantem o agendamento para que os servidores possam realizar os procedimentos. Aliado a isso, nós também temos trabalhado com o acompanhamento psicológico destes profissionais”, concluiu.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *