Cansada de apanhar, mulher mata marido na Cidade do Povo

Fotos: Cedidas

Um homicídio foi registrado na noite desta quinta-feira, 11, na Quadra D2, do bairro Cidade do Povo. O crime ocorreu dentro da residência do casal.

A vítima, Venceslau Rodrigues Magalhães da Silva, 42 anos, foi morto pela sua própria esposa, a dona de casa Maria das Graças, 34 anos, com o qual foi casada durante 13 anos.

De acordo com informações da dona de casa, o marido chegou em casa embriagado e começou agredir ela e os filhos. A acusada afirma também que sempre foi espancada pelo esposo. A mesma relatou que fez vários boletins de ocorrências contra Venceslau. Algumas vezes, ele foi enquadrado na Lei Maria da Penha, mas logo estava em casa, com novas ameaças e mais agressivo.

Maria foi presa em flagrante por policiais militares, e, ao chegar na delegacia, disse aos policiais de plantão que o marido, quando bebia, se transformava e ficava muito violento. Foram 13 anos de espancamentos, disse a acusada.

Na noite desta quinta, não foi diferente. Venceslau chegou em casa totalmente embrigado e começou mais uma sessão de espancamentos, momento esse em que a mulher se apossou de uma faca e deu um único golpe no peito do marido agressor, que caiu sem vida.

A polícia isolou a área para o trabalho da perícia. Logo após, o corpo foi removido e encaminhado ao IML (Instituto Médico Legal).

Agência Iñy

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *