Carnaval começa com eleição da realeza na Gameleira | ecoacre.net
Publicado em 10 de fevereiro de 2018

Carnaval começa com eleição da realeza na Gameleira

Confetes, serpentinas, paetês, purpurina, plumas, penas e muito samba no pé deram o brilho da noite de sexta-feira, 9, na Gameleira, porque é carnaval! E a primeira noite da celebração foi marcada pela eleição da realeza, numa festa promovida pela Prefeitura de Rio Branco em parceria com o governo do Estado.

Ao som da bateria do bloco Seis é Demais, 18 participantes desfilaram no palco na disputa pela vaga de rainha, rainha gay, rainha trans e rei momo.

O primeiro lugar levou o prêmio de R$ 3,4 mil e troféu; o segundo, R$ 1,9 mil e troféu; e o terceiro, R$ 1,4 mil. Já o quarto e quinto colocados levam R$ 900 e R$ 700, respectivamente, de acordo com informação da organizadora do evento, a Fundação Garibaldi Brasil (FGB), da Prefeitura de Rio Branco.

Os finalistas foram eleitos em disputa prévia realizada ainda em janeiro, na qual os cinco mais votados seguiram para a final. Entre as candidatas a rainha, estavam Andreia Gadelha, Carol Souza, Irlene Lins, Gabriela Alencar e Kalliny Santiago. Para rainha gay, Dheyla Martins, Clara Cristina, Aline Venturine, Ramona Sindel, Wendy Sayonara e Nega Rodrix,  e rainha travesti Natacha Houston, Ellen Hanashara, Thayna Silva, Rose Endrew e Jhully Sayonara.

Apenas três candidatos estavam na disputa para Rei Momo: Mauro Café, Dudu e Júnior Lima.

Realeza eleita

Gabriela Alencar conquistou o titulo de Rainha do Carnaval. Em segundo lugar ficou a candidata Kalliny Santiago e em terceiro, Andreia Gadelha. “Estou muito feliz. Todo esforço valeu a pena”, afirmou a rainha 2018.

A coroada como rainha trans foi Rose Endrew. As candidatas Natacha Houston e Ellen Hanashara ficaram com o segundo e terceiro lugar, respectivamente. Rose Endrew revelou que foram dias de preparação e para confecção da fantasia. “Não esperava o título, sabia que tinham candidatas fortes, mas estou grata com esse primeiro lugar”, confessou a eleita rainha trans.

A disputa da rainha gay também foi acirrada. A cobiçada coroa ficou com Clara Cristina, veterana em disputadas da festa momesca. Aline Ventura foi a segunda colocada e Ramona Sindel conquistou o terceiro lugar. “É o terceiro reinado. Estava há três anos sem competir, mas resolvi voltar porque gosto muito do Carnaval e que bom que deu certo”, declarou a rainha gay.

O rei momo eleito também é veterano nas disputas, Júnior Lima. Dudu ficou com a segunda colocação e Mauro Café em terceiro.

Confira a programação da folia neste sábado

No sábado, 10, a festa será no Mercado Folia, no Mercado Velho, centro histórico da capital. A partir das 18 horas tem a apresentação do tradicional Jabuti Bumbá. Em seguida, às 19 horas, tem Maracatu Nação Pé Rachado, das 20h às 21 horas tem Banda Raízes da Terra e, às 22 horas, Alberan Moraes.

Para os foliões que preferirem brincar perto de casa, a festa segue com o Carnaval nos Bairros. No Conjunto Esperança a festa será na Rua Euclides da Cunha, a partir das 19h30. No bairro da Base, a folia será na Rua Barbosa Lima, a partir das 21h45. O bloco Urubu com Chicória fará a animação dos foliões no Conjunto Universitário, na Avenida Maria José, das 19 às 21 horas.

“Estamos muito felizes com a festa da eleição da realeza. Vamos encerrar o Carnaval com um grande desfile dos blocos na Rua Epaminondas Jácome”, finalizou o presidente da Fundação Garibaldi Brasil, Sérgio de Carvalho.

 

Deixe seu comentário

Mensagem (Obrigatório)