Energisa é multada em R$ 14 milhões por cobrar clientes por estimativa

A Energisa Mato Grosso, concessionária dos serviços de distribuições de energia elétrica no estado, foi multada em mais de 14 milhões de reais por irregularidades em aspectos comerciais da empresa. A informação é da Agência Estadual de Regulação dos Serviços Públicos Delegados de Mato Grosso (Ager-MT). A multa é decorrente de ação fiscalizadora realizada pela agência no segundo semestre de 2019. 

A fiscalização da Ager-MT constatou que a empresa procedeu faturamentos por estimativa de consumo, sem amparo nas regras do setor elétrico. Outros aspectos também foram objetos da multa como irregularidades na suspensão de fornecimento de energia elétrica por inadimplência do consumidor; exigência desnecessária de documentos aos consumidores para alteração de titularidade de unidades com débitos, e irrregularidades no processo de recuperação de consumo em razão de falhas técnicas na medição. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *