Ex-secretário explica desabafo após polêmica: “não diz respeito à minha saída da Seinfra”

O ex-secretário do governo Gladson Cameli, Thiago Caetano, que foi exonerado da Secretaria Municipal de Infraestrutura e Mobilidade Urbana (Seinfra) no final dessa semana, explicou no início da tarde deste sábado, 28, seu desabafo publicado nas redes sociais. Ele havia dito que percebeu “falsos amigos” em sua jornada como gestor. “Quando estamos no chão, caído, muitos aproveitam para pisar, para tentar ficar um pouco maior, nem que seja um palmo do chão”, escreveu.

Ocorre que a publicação pode não ter sido bem compreendida entre seus companheiros de governo e ele resolveu explicar o desabafo. “Diante de algumas polêmicas que saíram nos jornais e blogs, sobre uma postagem que fiz sobre o que aprendi no dia de ontem… Quero deixar claro que não diz respeito à minha saída do cargo de secretário da Seinfra”, afirma Caetano.

Segundo ele, sua saída da secretaria foi uma decisão tomada em comum junto ao governo. “Na verdade [o desabafo] foi em relação à algumas pessoas que não conseguem entender que estamos sendo colocado em uma missão ainda maior pelo governador, com maiores e mais amplas responsabilidades”, argumentou.

O ex-titular da Seinfra fez questão de ressaltar lealdade, admiração e dedicação ao governador Gladson Cameli. “Estamos ainda mais próximos e alinhados em prol do Acre, para melhorar a vida das pessoas e dar mais eficiência às ações estratégicas do estado”, disse.

Thiago Caetano teve sua exoneração da pasta oficializada no Diário Oficial do Estado (DOE) dessa sexta-feira (27). Na noite de sexta, ele escreveu que “não está fácil de encontrar caráter e lealdade”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *