FAAO reúne centenas de pessoas em conferência internacional para debater conduta empresarial responsável

A Faculdade da Amazônia Ocidental (FAAO) realiza nesta sexta-feira (23) a II Conferência Internacional da Catedral Barão do Rio Branco, evento que debate as práticas e princípios de aplicação de normas empresariais responsáveis e sustentáveis. O evento internacional ocorre no auditório da faculdade e reúne centenas de estudantes.

Um dos coordenadores do evento, o professor mestre Nicolò Giangrande, da Universidade do Salento, afirmou que se trata de um evento internacional e de expressividade para debater o papel das empresas como agente de transformação social. Giangrada disse ainda que o evento acontece após um curso sobre responsabilidade social e práticas sustentáveis que foi ministrado de segunda a quinta-feira da última semana que teve como público alvo a comunidade acadêmica da FAAO e outras instituições parcerias, servidores públicos e empresários.

“Os próximos anos exige um novo tipo de comprometimento empresarial no âmbito social e de sustentabilidade. Este é um evento que temos uma expectativa de ser grandioso por conta do nosso curso que foi muito bom”, frisou sobre a importância do tema e a expectativa do evento, respectivamente.

O evento desta sexta-feira que deverá se estender até às 16h, é inteiramente gratuito e contará com certificação aos participantes.

Convidados e palestrantes

Prof. Dr. André L. Costa-Corrêa, da Faculdade da Amazônia Ocidental (Brasil).; Dr.ª Anne Caroline Posthuma, da Organização Internacional do Trabalho (OIT); Prof.ª Dr.ª Danielle Anne Pamplona, da Pontifícia Universidade Católica do Paraná (Brasil); Edna Souza Cesetti, do Ministério da Economia (ME); Me. Germán Zarama, da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE); Prof. Dr. Humberto Cantú Rivera, da Universidade de Monterrey (México); Ma. Julia Cortez da Cunha Cruz, do Conectas; Me. Maurício José Silva Cunha, do Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos (MMFDH); Me. Miguel Angel Castro Riberos, da União Europeia (UE); Prof. Me. Nicolò Giangrande, da Universidade do Salento (Itália) e coordenador da cátedra Rio Branco (FAAO).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *