Publicado em 9 de dezembro de 2017

Polícia prende acusado de dez homicídios que que atuava no Mocinha Magalhães

Um  homem acusado de ter cometido vários  homicídios, que atuava na região do bairro mocinha Magalhães foi preso pela a polícia na manha de sexta-feira, uma operação envolvendo policias militares e civis.

Matheus Barbosa da silva de 19 anos é apontado pela a polícia como o autor de um série de assassinatos. A prisão preventiva do acusado foi decretada no dia 07 deste mês.

Na manhã seguinte Matheus Barbosa da silva de 19 anos, conhecido como neguinho do c.v. foi preso na região do mocinha Magalhães. o mandado de prisão preventiva foi expedido pelo o juiz da 1ª vara do tribunal do júri.

Consta no inquérito instaurado pela a delegacia de homicídios e proteção à pessoa, a D.H.P.P. Que no dia 07 do mês passado Matheus executou à tiros o autônomo José de oliveira Teodósio júnior de 26 anos. O crime aconteceu na rua da banana no mocinha Magalhães, na mesma ação, o acusado, baleou outra pessoa, de acordo com a investigação, Matheus, teria cobrado pedágio, mas como José de oliveira se recusou a pagar, foi assassinado.

A investigação da D.H.P.P. aponta que neguinho do c.v. cobrava pedágio na região. De acordo com a polícia Matheus – era o principal aliado de Francisco Alysson da silva melo de 22 anos.     Guará como era mais conhecido – era um dos líderes de uma organização criminoso na região. Ele morreu em confronto com o Bope, no dia 20 de agosto deste ano, nesta região do beco da laranja.

 

Nesta foto, Mateus aparece ao lado de guará que empunha em pistola. Como a morte do amigo, Matheus teria assumido o posto de liderança.   Ele é suspeito, segundo a polícia de várias execuções.

 

Reportagem/Ecimairo Carvalho

Deixe seu comentário

Mensagem (Obrigatório)