Publicado em 31 de maio de 2017

Por que o catabolismo muscular acontece?

Continuando o assunto do post da semana passada onde falamos sobre CATABOLISMO.
Por que o catabolismo muscular acontece?
Em condições normais, o corpo utiliza uma forma de energia chamada glicogênio, que é proveniente do consumo de carboidratos. Quando os estoques de glicogênio acabam, o organismo passa a utilizar as reservas de gorduras, é a vez de a musculatura servir de energia para o corpo. Isso acontece quando você fica longos períodos sem se alimentar ou quando reduz os carboidratos na alimentação. Ou também pode acontecer com pessoas muito magras ou com quem tem dificuldade para ganhar massa muscular.
Além de limitar seu ganho de massa muscular, o estado catabólico também pode ser prejudicial à saúde. O sistema imunológico, os órgãos digestivos e a liberação de hormônios de crescimento ficam comprometidos quando o organismo sai do seu equilíbrio e passa a degradar tecido muscular.
Como eu já falei em posts anteriores, para diminuir a perda de massa é necessário evitar o estado catabólico muscular a todo custo.
O cuidado com a alimentação é o fator mais importante para ajudar a prevenir o catabolismo muscular. Evite ao máximo ficar mais que 3h sem se alimentar, pois quando isso ocorre, o organismo recorre ao tecido muscular para obter energia.
Programe-se para fazer de 5 a 6 refeições menores durante o dia, com intervalo médio de 3h entre elas. Nunca pule o café ☕ da manhã, pois seu organismo já estará vindo de um longo período em jejum e prolonga-lo só aumentará seu catabolismo ( então esqueça desse aeróbico em jejum)
Uma das refeições mais importante é o pré e pós treino não pode faltar nunca!
Procure sempre um educador físico e um nutricionista.
Se você quiser saber mais ➕ procure nos posts anteriores e acesse o link: CATABOLISMO MUSCULAR – EVITE!

Deixe seu comentário

Mensagem (Obrigatório)