Quadrilha que planejava transportar arma e munição para facção é presa no Rio Acre

Um trabalho investigativo realizado por agentes da Polícia Civil de Brasiléia prendeu quatro criminosos que planejavam transportar armas e munição que seriam usadas por grupos criminosos no Estado do Acre. Foi descoberto que esse grupo iria usar o Rio Acre até Plácido de Castro, saindo de Brasileia na tarde dessa segunda-feira (9). Eles passariam por Xapuri e desceriam até a fronteira com a Bolívia pela cidade de Plácido de Castro.

Uma grande equipe foi formada por agentes de Brasileia, Epitaciolândia e de Xapuri, além da Polícia Penal, onde montaram uma ‘campana’ para surpreender e deter o quarteto. Toda ação aconteceu já na madrugada desta terça-feira, dia 10, quando foram surpreendidos e abordados.

Segundo o delegado Sérgio Lopes, todos os detidos têm pendências pela justiça do Acre por diversos crimes, inclusive dois são foragidos do presídio estadual Francisco de Oliveira Conde (FOC), em Rio Branco.

No momento da abordagem surpresa já em Xapuri, foram encontrados com os quatro uma pistola de groso calibre, munição e um pente de fuzil, também com munição. Os agentes acreditam que no momento da abordagem, eles teriam jogado a arma dentro do rio.

Outra equipe, com o apoio de homens do Corpo de Bombeiros, foi acionada para realizar uma buscar, na tentativa de localizar o fuzil. Todos os detidos foram conduzidos para a delegacia de Brasileia, para serem ouvidos pelo delegado Sérgio Lopes, para em seguida serem transferidos para a Capital, ficando à disposição da Justiça.

Fonte: O Alto Acre

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *