Rio Branco fica muito mais segura com a desarticulação do Comando Vermelho, diz delegado da PF

 

Para o delegado da Polícia Federal, Fares Fegalli, um dos responsáveis pela Operação Tróia, desencadeada em cooperação com o Ministério Público, Rio Branco ficará mais segura depois do que qualificou como desarticulação da facção criminosa Comando Vermelho no Acre.

O delegado afirmou que com a prisão de lideranças da alta cúpula e conselheiros do grupo criminoso a tendência é que haja mais segurança. Dois advogados foram conduzidos a superintendência da Polícia Federal para prestarem depoimentos por suspeita de funcionarem como uma espécie de ‘pombo correio’ do crime, atuando com o repasse de informações entre os líderes do Comando Vermelho que estavam em Regime Disciplinar Diferenciado.

Segundo o delegado, entre os crimes planejados e executados pelo grupo criminosos estavam execuções, roubos, tráfico de drogas e de armas.

“Hoje Rio Branco fica muito mais seguro com a desarticulação do Comando Vermelho. Eles cometiam diversos crimes e responderão por eles”, diz. O delegado frisou ainda que os presos são pessoas da mais alta periculosidade.

Com Informações do Folha do Acre

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *