Décimo terceiro salário: acreanos já fazem planos e dizem como vão gastar o abono extra

Como acontece todos os anos, principalmente no mês de dezembro quando boa parte dos trabalhadores recebem o 13º salário, muitos se perguntam: “e agora o que fazer com esse dinheiro a mais”? De acordo com pesquisa realizada em novembro pela Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Acre (Fecomércio/AC), 27% dos acreanos entrevistados devem aproveitar o ganho extra para regularizar dívidas pendentes.

Como é o caso do funcionário público José Vitorino Neto. Segundo ele, o pagamento das contas será prioridade neste fim de ano. “Primeiro quero paga tudo o que devo para ficar mais sossegado, depois quero ver se consigo comprar alguns presentes ou lembrancinhas para os familiares porque a situação não está nada fácil. Também pretendo fazer um planejamento financeiro para o próximo ano. Acredito que só dessa maneira posso fugir do “fantasma” das dívidas”, comentou.

A dona de casa, Francisca da Silva Rodrigues, disse que sempre planeja o que vai fazer com o dinheiro. “Eu e meu marido fizemos tudo certo esse ano para não acumular muitas dívidas. Tudo o que gastamos é posto no papel para que haja um controle no fim do mês. Graças a Deus que estamos conseguindo fugir da crise. Então, presentes não irão falta para todos os entes queridos e com certeza teremos uma ceia de Natal farta”.

Antônio Cabral, servidor terceirizado, comentou que o seu maior sonho é ter uma casa própria, e com o pagamento do 13º salário, o seu desejo já está perto de ser alcançado. “Estou juntando dinheiro para comprar a minha residência e espero que esse abono me ajude a concretizar logo esse sonho. Estamos vivendo uma crise e se você gastar o que ganha com besteira não consegue nada, principalmente quem ganha pouco. Também quero comprar alguns presentes para os meus filhos, porém acho que o verdadeiro significado do período não seja o consumismo”.

A funcionária pública, Antônia Oliveira, falou que com a crise que vivemos e com tudo aumentando a cada dia, não é difícil adquirir dívidas. “Assim, como a maioria dos brasileiros, também tenho contas a pagar e espero quitá-las com o 13º. Neste Natal também quero presentear, porém nada em excesso para que o salário possa render mais em 2016”, finalizou.

Outros percentuais da pesquisa

Ainda, segundo o levantamento da Fecomércio, 64% dos acreanos não pretendem gastar o 13º salário todo. Apenas 32% das pessoas ouvidas afirmaram priorizar as compras de fim de ano. Já 15% dos entrevistados disseram que pretendem poupar para ter recursos no início de 2016.

Por Dell Pinheiro – dell.81@hotmail.com GERAL_2

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *