Ministério Público leva ‘MP na Comunidade’ a Cruzeiro do Sul

Com o objetivo de aproximar cada vez mais a sociedade da instituição, o Ministério Público do Estado do Acre (MPAC) realiza, no próximo dia 3 de maio, a segunda edição do projeto ‘MP na Comunidade’ fora da capital Rio Branco. Dessa vez, o atendimento será realizado na cidade Cruzeiro do Sul, localizada no Vale do Juruá e com aproximadamente 80 mil habitantes. O evento será na Escola Estadual Rural de Ensino Fundamental Olavo Bilac, localizada na Vila Santa Luzia, BR-364. No último sábado, 26, o projeto foi realizado em Tarauacá, durante o ‘Ação Global’.

Na oportunidade, a estrutura das promotorias de Justiça de Cruzeiro do Sul será deslocada até a comunidade, juntamente com equipes de Rio Branco, integrantes do Centro de Atendimento ao Cidadão (CAC), Núcleo de Apoio Técnico (NAT) e Núcleo de Apoio ao Atendimento Psicossocial (Natera), levando até o cidadão serviços como consulta processual, esclarecimentos sobre direitos violados, denúncias, atendimento de saúde com campanha de vacinação, além de participar de atividades preventivas e educativas, realizadas em parceria com instituições governamentais e não governamentais.

Durante toda a semana que precede a realização do projeto, serão realizadas visitas à comunidade e reuniões com parceiros, instituições e lideranças de sociedades agrícolas do Santa Luzia, para nivelamento de ações.

 

Institucionalização do projeto

Em março deste ano, o procurador-geral de Justiça Oswaldo D’Albuquerque Lima Neto assinou o Ato nº 33/2014, que institucionaliza o projeto ‘MP na Comunidade’, criado para aproximar o Ministério Público da comunidade, tanto na capital, quanto no interior do estado.

“Nós contamos com membros e servidores voluntários, que gostam de ajudar, que têm compromisso com o Ministério Público e com o cidadão. É preciso fazer ao próximo o que esperamos que as pessoas façam por nós, e isso resume bem o que é o ‘MP na Comunidade’”, comentou o procurador-geral.

Segundo a coordenadora do Centro de Atendimento ao Cidadão (CAC), Nazaré Gadelha, o projeto, como um todo, constrói uma rede de parceria com o cidadão, que permite conhecer a realidade e os problemas que afetam a população.


Agência de Notícias – MP/AC

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *