Tião Viana trata de Linhão, rodovias, habitação e agroindustrialização do Acre

O governador Tião Viana manteve nesta sexta-feira, 4, em Brasília, várias audiências para tratar de diversos assuntos da sua administração no Acre, indo desde o setor de saúde até as obras de recuperação das BRs 364 e 317, passando pelas obras do Linhão entre Rio Branco e Cruzeiro do Sul, construção de casas, esgotamento sanitário e investimentos da Caixa Econômica na agroindustrialização do estado.

A primeira agenda do governador foi com a secretária-executiva em exercício do Ministério dos Transportes, Natália Marcassa, com quem tratou do detalhamento da manutenção e recuperação emergencial das rodovias federais BR-364 e BR-317.

Tião Viana com a secretária-executiva do Ministério dos Transportes, Natalia Marcassa (Foto: Romerito Aquino)
Tião Viana com a secretária-executiva do Ministério dos Transportes, Natalia Marcassa (Foto: Romerito Aquino)

A secretária-executiva informou que seu ministério vai garantir os meios necessários para que as rodovias recebam a manutenção e a recuperação do tráfego durante todo o período do inverno.

Para a BR-364, já foram assegurados R$ 78 milhões, e as empresas de manutenção e recuperação foram contratadas.

Na audiência, a secretária-executiva autorizou ao Dnit liberar o pagamento de mais de R$ 10 milhões das medições dos serviços emergenciais executados na BR-364. Na 317, principalmente nos trechos mais críticos, há empresas contratadas para executar os serviços.

Na audiência com o secretário-executivo do Ministério das Minas e Energia, Luiz Eduardo Barata Ferreira, este garantiu ao governador Tião Viana a retomada, o mais rápido possível, das obras de construção do Linhão energético entre Rio Branco e Cruzeiro do Sul.

Barata garantiu que uma nova empresa será contratada para dar sequência às obras do Linhão, que parte de Rio Branco em uma extensão de 632 quilômetros, com investimentos da ordem de R$ 370 milhões.

A obra será dividida em duas etapas. Na primeira, será construída uma subestação em Feijó, interligando a cidade até Rio Branco. Na segunda fase, serão interligados os municípios de Feijó, Tarauacá e Cruzeiro do Sul.

Parceria da Caixa com a agroindustrialização do estado

Tião Viana com o ministro das Cidades, Gilberto Kassab (Foto: Romerito Aquino)
Tião Viana com o ministro das Cidades, Gilberto Kassab (Foto: Romerito Aquino)

Com o ministro das Cidades, Gilberto Kassab, o governador Tião Viana garantiu a liberação de recursos para a entrega de mais 366 casas e para a execução de obras de esgotamento sanitário na Cidade do Povo, além da conclusão do Residencial Andirá, em Rio Branco.

O governador também se encontrou com a presidente da Caixa Econômica Federal, Miriam Belchior, com quem tratou da participação do banco em projetos de ampliação do processo de agroindustrialização do Acre.

Tião Viana com a presidenta da Caixa Econômica Federal, Mirian Bechior (Foto: Romerito Aquino)
Tião Viana com a presidenta da Caixa Econômica Federal, Mirian Bechior (Foto: Romerito Aquino)

Para isso, a Caixa Econômica vai mandar uma equipe de avaliação ao estado para conhecer os investimentos na piscicultura, na suinocultura e em outros setores produtivos.

A última audiência do dia foi no Ministério da Saúde, onde o governador esteve acompanhado do deputado federal César Messias (PSB-AC), do secretário de Estado de Saúde, Armando Melo, e do secretário de Saúde de Rio Branco, Oteniel Almeida.

Tião Viana, deputado César Messias e secretário Armando Melo com o ministro da Saúde, Marcelo Castro (Foto: Romerito Aquino)
Tião Viana, deputado César Messias e secretário Armando Melo com o ministro da Saúde, Marcelo Castro (Foto: Romerito Aquino)

Com o ministro Marcelo Castro, o governador tratou de vários assuntos, incluindo a liberação de recursos para a continuidade das obras do Pronto-Socorro de Rio Branco e do Hospital Regional de Brasileia, para a aquisição de novos equipamentos para o Hospital do Into e para execução dos serviços de hemodiálise em Cruzeiro do Sul.

Tião Viana também tratou da liberação de recursos de emendas parlamentares, entre elas a que destina R$ 2,5 milhões para a construção do novo hospital de Xapuri.

Romerito Aquino

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *