Câmara Criminal mantém condenação de traficante que tinha plantação de maconha em casa

Por unanimidade a Câmara Criminal do Tribunal de Justiça manteve a condenação de quase 8 anos de prisão do traficante Fernando Ferreira Machado.
Sabedoria como é mais conhecido foi preso em no dia 08 de março deste ano durante uma ação de investigadores da Delegacia de Combate a Roubos e Extorsões da Polícia Civil (DCORE).
Na casa do acusado os policiais encontraram uma plantão de maconha. Fernando Machado cultivava e fazia a colheita de 174 plantas, que constituíam matéria prima para a fabricação de maconha. O local funcionava como um verdadeiro laboratório do trafico de drogas.
Estufas, aquecedores, umidificadores, termômetro digital, refletores e até aquecedores foram encontradas na residência. Além de munições e mais de 300 mudas de maconha.
Em agosto deste ano Sabedoria foi condenado pelos crimes de posse ilegal de munição e tráfico de drogas a 7 anos e 6 meses de prisão.
Mas a defesa do réu recorreu da decisão. No recurso o advogado pediu a absolvição do crime de posse munição e a redução da pena de trafico de drogas.
No entanto, os pedidos foram negados pelo relator da matéria, Desembargador Samoel Evangelista. O magistrado argumentou que possuir munição de arma de fogo sem autorização e em desacordo com a determinação legal, constitui crime abstrato de mera conduta.
Ainda na decisão o relator escreveu “A sentença da magistrada que fixou a pena do crime de trafico de drogas está devidamente fundamentada, sendo possível perceber que não ouve nenhum exagero”, disse um dos trechos do relatório.
O voto de Evangelista foi acompanhado pelos demais membros da corte.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *