Federação do comércio vai enviar 12 toneladas de alimentos ao departamento de pando.

Presidente da federação do comércio afirma que a entidade vai enviar 12 toneladas de alimentos para saciar a fome de parte das famílias do departamento de pando na Bolívia; dois caminhões, com mais de mil sacolões, foram levados para o território boliviano.

A federação do comércio sensibilizada pela situação das famílias carentes de Cobija capital do departamento de pando, na Bolívia, enviou um caminhão com 500 sacolões para serem distribuídos em regime de urgência as pessoas que estão em situação de vulnerabilidade social. Um novo carregamento de seis toneladas saiu com destino a região de fronteira, nesta quarta-feira à tarde.

No país inteiro, a polícia resgatou mais de 400 corpos de pessoas mortas pelo coronavirus que estavam jogados no meio da rua ou se decompondo dentro das casas, a Bolívia, passa por uma crise humanitária sem precedentes a FECOMÉRCIO de acordo com o empresário, Leandro Domingos, só quer ajudar a amenizar a dor da população pobre.

Ao todo a FECOMÉRCIO pretende mandar 12 toneladas de alimentos para o país vizinho, porém, existem reclamações de brasileiros que moram na Bolívia que eles não estão sendo contemplados com os sacolões o áudio de uma mulher enviado ao café com notícias confirma essa informação.

O próximo passo da federação do comércio é conseguir medicamentos para mandar aos hospitais bolivianos que estão sem condição nenhuma para tratar pacientes infectados pelo coronavirus, os empresários acreanos até tentaram com as distribuidoras, mas o mercado local está desabastecido.

Repórter/ Ronaldo Guerra

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *