Gladson solicita ao Ministério da Justiça inclusão do Acre em programas de combate à criminalidade

A instalação de mais um ponto do programa Vigia (Vigilância, Integração, Governança, Interoperabilidade e Autonomia), bem como assegurar uma vaga no programa Em Frente Brasil, foram os dois principais itens elencados durante reunião do governador Gladson Cameli e equipe governamental com o secretário executivo do Ministério da Justiça, Tércio Tokano.

Acompanhado dos secretários do Planejamento, Ricardo Brandão; e da Segurança Pública, Paulo Cézar Santos; do procurador-geral do Estado, Paulo Setti; do representante do Acre em Brasília, Ricardo França; e do comandante do Corpo de Bombeiros do Acre, coronel Carlos Batista; Gladson Cameli relatou ao secretário sua preocupação com o tráfico de drogas no estado, o combate que vem sendo travado e as conquistas, ressaltando a necessidade de se ampliar esse trabalho.

Cameli relatou ao secretário sua preocupação com o tráfico de drogas no estado, o combate que vem sendo travado e as conquistas, ressaltando a necessidade de se ampliar esse trabalho Foto: David Casseb

Gladson Cameli solicitou ao secretário Tokano a ampliação do programa Vigia, que está instalado em Rio Branco. “Uma base operacional na cabeceira da ponte sobre o Rio Abunã será de vital importância contra o tráfico de drogas, além de servir para outros tipos de fiscalização, como, por exemplo, a extração ilegal de madeiras” frisou.

Paulo Cézar Santos elogiou o programa que foi implantado no Acre e apresentou dados que ressaltam o trabalho executado. Segundo o secretário, nos três últimos meses de 2019, o tráfico sofreu um impacto com as apreensões de drogas, no valor de pouco mais de R$ 1 milhão. “Em 2020, até o mês de setembro já alcançamos a cifra de R$ 8,9 milhões, o que, por si só, avaliza a estrutura operacional do programa”, frisou o secretário de Segurança.

Cameli solicitou ao secretário Tokano a ampliação do programa Vigia, que está instalado em Rio Branco Foto: David Casseb.

Cameli fez questão de salientar também a importância da instalação dessa nova base no Abunã, frisando que os pilares do programa são a atuação integrada entre instituições e agentes de segurança, aquisição de equipamentos, como sistemas de comunicação e viaturas, e a capacitação e investimento em qualificação profissional.

Em Frente Brasil

“Outro ponto considerado essencial para o combate à criminalidade no estado – salientou o governador – é a inclusão de Rio Branco no programa Em Frente Brasil”.

A proposta do projeto alia medidas de segurança pública a ações sociais e econômicas, para promover a transformação das realidades socioeconômicas das regiões, por meio da cooperação e da integração, obtidas pelas parcerias firmadas com estados e municípios, além da participação de outros ministérios, que auxiliarão para o alcance dos resultados previstos.

Cameli estava acompanhado dos secretários do Planejamento, Ricardo Brandão; e da Segurança Pública, Paulo Cézar Santos; do procurador-geral do Estado, Paulo Setti; do representante do Acre em Brasília, Ricardo França; e do comandante do Corpo de Bombeiros do Acre, coronel Carlos Batista Foto: David Casseb

O projeto já foi implementado em cinco cidades, uma em cada região: no Norte, em Ananindeua (PA); no Nordeste, em Paulista (PE); no Sudeste, em Cariacica (ES); no Sul, em São José dos Pinhais (PR); e, no Centro-Oeste, em Goiânia (GO).

Cameli também solicitou a inclusão do Acre no projeto Brasil Mais, que deverá ser implantado, segundo o secretário, ainda este ano. O projeto permitirá que imagens de ações ilícitas captadas por satélite em tempo real sejam repassadas aos órgãos de segurança e fiscalização. Como exemplo, o secretário citou uma queimada sendo iniciada. As imagens serão repassadas aos órgãos competentes e ações poderão ser realizadas de imediato.

Ricardo França agradeceu o apoio que a Representação do Governo do Acre em Brasília tem tido do Ministério da Justiça, já que a Repac é o elo entre o Estado e o governo federal. “Estamos em contato permanente com as autoridades dos três poderes e todas as nossas reivindicações em nome do governador e em prol do estado tem sido recepcionadas e agilizadas, trazendo benefícios para a população do Acre”, disse.

Fonte: Agência de Notícias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *