Manutenção viária também é feita no período da noite para dar celeridade as obras na cidade

A prefeitura de Rio Branco através da EMURB está realizando um grande esforço para que a cidade volte à normalidade o mais breve possível depois da cheia histórica que assolou a capital, quando o nível das águas chegou a 18,40 metros, atingindo cinquenta e três bairros.
E parte desses esforços é o trabalho de manutenção viária noturna, que nesta segunda-feira, 9, aconteceu em dois pontos da avenida Ceará, um deles nas proximidades da Quarta Ponte, local que foi duramente afetado pelas águas e o trânsito, no pico da cheia, chegou a ser interditado.
O diretor-presidente da EMURB, Jackson Marinheiro, acompanhou pessoalmente os trabalhos de manutenção viária noturna. Segundo ele, é uma determinação do prefeito Marcus Alexandre fazer com o tráfego seja reestabelecido o mais rapidamente possível, principalmente nas vias estruturantes e nos corredores de ônibus.
No último domingo, 8, o prefeito Marcus Alexandre e o diretor-presidente da EMURB realizaram uma vistoria no principais pontos que foram atingidos pela alagação para realizar um planejamento das ações de recuperação da cidade, cujo trabalho de limpeza, com 270 máquinas e 570 trabalhadores iniciou nesta segunda-feira.
Na medida em que o nível das águas vai baixando, a prefeitura de Rio Branco, através da Secretaria Municipal de Serviços Urbanos (SEMSUR) vai realizando a limpeza das ruas, permitindo que, na sequência, a EMURB inicie o trabalho de manutenção viária através da operação tapa-buraco.
Outro trabalho muito importante que é realizado pela EMURB é o serviço de drenagem que é executado em diversos bairros da cidade atingidos pela cheia do rio Acre. Um desses pontos é na avenida Ceará, próximo ao Terminal Urbano, onde a prefeitura trabalha no fechamento de uma cratera depois que as águas baixaram.
“Esse trabalho de manutenção viária noturna é parte de um esforço que a prefeitura de Rio Branco está realizando para garantir o tráfego de veículos e a circulação dos ônibus, inclusive nos principais corredores, como aqui na avenida Ceará”, afirmou o diretor-presidente da EMURB, Jackson Marinheiro.

Da Assessoria
Fotos: Adonay Melo/Asscom

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *