Mesmo durante a pandemia CECON continua atendendo a demanda

CECON fez uma readequação nos horários dos médicos para evitar aglomerar nesse período de pandemia e atender os pacientes, no novo formato diminuiu a quantidade de consultas e exames, mas os serviços continuam sendo ofertados.

Antes da pandemia o CECON atendia em média 150 mulheres por dia com consultas, exames preventivos e mamografias, com a expansão da covid – 19, a gerencia da unidade foi obrigada a elaborar um cronograma de atendimento com redução nos serviços ofertados, para evitar aglomeração, ao invés de 150, os profissionais passaram a atender 40 pacientes apesar da queda a gerente do CECON afirma que em nenhum momento os serviços foram suspensos.

As mulheres que chegam em busca de atendimento especializado são avaliadas pelos médicos que atuam nas áreas de: oncologia, mastologia e dermatologia, dependendo do diagnóstico, se for alterado, inicia o tratamento automaticamente com os profissionais do próprio CECON ou a paciente é enviada para o hospital do câncer.

Por ser o único ponto de referência nesses serviços no estado do Acre, o CECON quase sempre tem uma demanda reprimida, mas, como tem a possibilidade de o Acre mudar de fase em breve, é bem provável que o órgão volte a aumentar o número de consultas e de exames.

Reportagem/ Ronaldo Guerra

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *