Padre Paolino é condenado a pagar indenização por “ocasionar” batida de carro

Uma sentença Judicial em primeira instância em que figura como réu o pedestre Padre Paolino do município de Sena Madureira, determina a indenização de mais de 8 mil reais ao reclamante Charme Diniz, que acusa o padre de ter ocasionado uma colisão envolvendo seu carro e mais outro que trafegava em sentido contrário, na Avenida Brasil próximo à Radio Difusora.

DSC_0028O fato aconteceu quando o padre Paolino saiu da Difusora após ter feito o programa da Ave Maria.

Portal acpurus.com  

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *