Quadrilha de estelionatários já aplicou quase 1300 golpes em 180 dias

Os golpes da OLX, da clonagem do WhatsApp e do deposito fake não são novos, mas a continua fazendo vítimas, principalmente neste período de pandemia.

Só neste mês de junho ouve 455 vítimas, uma média dia 15 por dia. um funcionário público teve o celular clonado, já um autônomo que não quis se identificar, por muito pouco, não caiu no GOLPE da OLX.

Os dois fazem parte de uma legião de vítimas de uma quadrilha de estelionatários, neste período de pandemia o grupo intensificou as ações criminosas.       Só neste mês, foram 455 casos registrados, média de 15 por dia.

No mês, a polícia civil, registrou 75 golpes os mais comuns são; o do anúncio da OLX, onde, o estelionatário entra em contato com a vítima, diz que vai comprar o bem colocado à venda e depois negocia com outra pessoa.      A clonagem do WhatsApp que consiste em pedi ajuda financeira de amigos da pessoa que teve o aplicativo clonado.

Tem ainda, deposito fake, de Janeiro até a última sexta-feira, foram 124 casos registrados na Polícia Civil. Foram tantos casos, que os investigadores, com o apoio do sindicato dos policiais civis, lançaram uma campanha nas redes sociais alertando a população.

O delegado Josemar Portes, que investiga vários casos, disse que as vítimas têm que redobrar a atenção.      Para o delegado algumas medidas simples podem evitar a ação dos criminosos.

Reportagem/ Ecimairo Carvalho

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *