Publicado em 19 de junho de 2017

Servidores do município paralisam atividades nesta terça-feira (20)

A Assermurb aglutina oito sindicatos da base da gestão municipal. Essas categorias estão dialogando com a equipe de negociação do município desde setembro do ano passado, construindo propostas que foram entregues em janeiro e abril de 2017. A prefeitura ficou de avaliar os pleitos dos trabalhadores e se manifestar até o dia 5 de junho, prazo limite para a data base.

Como junho está terminando e não houve um posicionamento do poder público, os dirigentes sindicais decidiram em assembleia, fazer uma paralisação de advertência para chamar a atenção das autoridades. A indignação é motivada por que recentemente o prefeito Marcus Alexandre enviou matéria do executivo para câmara concedendo aumento aos fiscais de tributos.  Segundo rumores o aumento seria de 70%, essa informação é negada pelo Chefe da Casa Civil Municipal, André Kamai.

Marquinhos Gama disse que como presidente do maior sindicato do município não é contra aumento para nenhuma categoria, mas quer que ele se estenda a todos os segmentos do serviço público. “Essa seria uma forma justa”, afirmou ele.

O chefe da casa civil ressalta que a intenção do executivo é contemplar todas as categorias, mas a crise econômica que vem assolando o país tem dificultado o fechamento de um acordo. A prefeitura vai apresentar uma contraproposta que está sendo construída com os próprios sindicatos.

 

Ronaldo Guerra – Redação TV5

Deixe seu comentário

Mensagem (Obrigatório)