Sete presos tentam fugir de presídio em Rio Branco, mas acabam impedidos por policiais

Sete detentos do Complexo Penitenciário Francisco de Oliveira Conde, em Rio Branco, tentaram fugir na tarde desse sábado, 30, após tentarem fazer um buraco na cela 8 do pavilhão O. Os presos tiveram o plano de fuga frustrado por conta da ação rápida de policiais penais do Instituto de Administração Penitenciária (Iapen).

Os policias penais disseram ouvir sons estranhos vindos do interior da cela 8 e realizaram uma revista na cela, onde constataram que os presos haviam iniciado um buraco na parede. Na cela também foram encontrados dois ferros e duas cordas artesanais produzidas com lençóis e roupas, que também seriam utilizados na fuga.

O local foi isolado para reparos e os detentos foram transferidos para outra cela. Eles responderão a processo administrativo disciplinar.

Segundo o presidente do Iapen, Arlenilson Cunha, a ação dos policiais sempre atentos às alterações no ambiente prisional é fundamental. “É importante frisar a atenção dos guerreiros de serviço que, ao suspeitarem da alteração, prontamente realizaram a revista e identificaram o buraco, o que impediu a conclusão do plano de fuga de sete presos”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *