TRE pode manter cassação do prefeito de Cruzeiro do Sul em sessão marcada para às 8h desta segunda-feira

Depois de quase quatro anos de um processo movido pelo PSDB, o Tribunal Regional Eleitoral do Acre decidirá sobre cassação do mandato do prefeito de Cruzeiro do Sul, Ilderlei Cordeiro. A sessão remota tem início previsto para às 8 horas desta segunda-feira.

Logo após o término da eleição de 2016, o prefeito foi foi acusado de fraude eleitoral e  corrupção liderada pelo ex-prefeito Vagner Sales (MDB), que na época era o titular da gestão e principal apoiador de Cordeiro – hoje inimigos declarados.

Entre pedidos de vista e adiamentos o processo se arrastou até quase o final do mandato, mas pode, dependendo de o resultado, mexer no tabuleiro da sucessão municipal deste ano.
O Juiz Erick Farhat, titular a 4ª Zona Eleitoral, em julho de 2019, cassou o mandato de Ilderlei, que recorreu da decisão, no exercício do cargo. Agora, caberá ao pleno do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) confirmar ou negar a cassação.

Ilderlei depende do resultado favorável para permanecer no cargo e estar apto a concorrer à reeleição. Caso venha a seja mantida a cassação, o PP deve reabrir as discussões acerca de uma nova estratégia para disputa deste ano.

O presidente da Câmara Municipal poderá assumir a gestão pelos próximos 4 meses, até que o vencedor da eleição deste ano assuma. Outra possibilidade seria os envolvidos ter apenas os direitos políticos cassados, podendo concluir o restante do mandato.

Quem quiser acompanhar a sessão virtual que definirá o futuro político de Ilderlei Cordeiro e Zequinha Lima, deve acessar o link abaixo:

https://www.youtube.com/channel/UCufTvCKIKUESDGMTpg6NTKQ.

Fonte/Acjornal

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *