Publicado em 18 de março de 2013

Ufac tem mais de 92% de vagas do Enem/Sisu ocupadas por estudantes residentes no Acre

Relatório apresentado pela pró-reitoria de Graduação da Universidade Federal do Acre (Ufac) aponta que 76,79% das vagas dos cursos de graduação da instituição são ocupadas por acreanos. Quando se analisa o número de estudantes que residem no Estado, o quantitativo de vagas preenchidas por alunos que moram no Acre chega 93,28% no campus de Rio Branco e a 92,55%, no campus Floresta, em Cruzeiro do Sul.

Segundo a pró-reitora de Graduação, Socorro Neri, com a adoção do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e do Sistema de Seleção Unificada (Sisu), houve uma procura maior por um dos 45 cursos que a Ufac oferece. “Este ano, por exemplo, tivemos mais de 60 mil candidatos disputando uma das vagas da instituição, mas mesmo assim, constata-se que a adoção do Sisu não foi prejudicial aos estudantes acreanos, pelo contrário, o número de candidatos residentes no Acre em 2013 foi superior ao verificado em 2012”, ressaltou.

Nos últimos cinco anos, a Ufac ampliou as vagas anuais de 1.070 para 2.010, seguindo a política de reestruturação e expansão das Instituições Federais de Ensino Superior (Ifes), garantindo maior acesso e diminuindo a desigualdade na oferta de vagas.

O Enem/Sisu significou no Acre, a democratização do acesso ao ensino superior, obtendo aprovados dos municípios de Acrelândia, Assis Brasil, Brasileia, Bujari, Capixaba, Cruzeiro do Sul, Epitaciolândia, Feijó, Jordão, Mâncio Lima, Manoel Urbano, Marechal Thaumaturgo, Plácido de Castro, Porto Acre, Porto Walter, Rio Branco, Rodrigues Alves, Sena Madureira, Senador Guiomard, Tarauacá e Xapuri.

O curso com maior número de matriculados residentes no estado, no campus Rio Branco, foi o de Ciências Biológicas, com 70% de suas vagas preenchidas por acreanos. Já no Campus Floresta, em Cruzeiro do Sul, o curso de Letras/Português obteve 74% das vagas preenchidas por acreanos.

(Assessoria)

 

Deixe seu comentário

Mensagem (Obrigatório)