Xapuri tem novo pico de casos de covid-19 e prefeito diz que população “relaxou”

O município de Xapuri superou nesta sexta-feira (10) os 300 casos positivos do novo coronavírus depois de haver registrado uma queda significativa nos números diários nas últimas duas semanas, com a ocorrência de alguns picos que foram creditados pela Secretaria Municipal de Saúde (Semusa) ao acúmulo de exames no Laboratório Central de Saúde Pública de Rio Branco – LACEN.

Na última atualização do Boletim Municipal, foram acrescentados mais 24 casos, o terceiro maior número de confirmações para um único dia desde que o município consignou os primeiros diagnósticos de covid-19, no dia 27 de abril passado. Os dois outros maiores picos ocorreram nos dias 10 e 16 de junho, com 25 e 26 casos confirmados, respectivamente.

Durante a apresentação diária que faz dos números da pandemia no município, por meio de vídeo divulgado na página da prefeitura no Facebook, o prefeito Ubiracy Vasconcelos afirmou que a população “perdeu o medo do bicho” e relaxou nos cuidados relacionados à prevenção. Ele reforçou que ainda não é hora para isso e pediu que as pessoas sigam os decretos e a consciência de cada um.

“Eu tenho acompanhado que têm tido algumas festinhas, está chegando o final de semana, aí o pessoal se junta ali numa casa pra fazer uma comemoraçãozinha, beber com os amigos. Gente, não é hora, ainda, de fazer isso. A gente não pode relaxar, precisamos ter os cuidados necessários para que possamos realmente sair disso sem maiores perdas”, pediu o prefeito.

Com os novos casos confirmados, Xapuri foi 319 registros positivos do novo coronavírus, com 19 exames ainda aguardando resultado de análise laboratorial. São 511 pessoas sendo monitoradas pelas equipes da Semusa, 2 internações hospitalares e 5 óbitos. O número de pacientes que tiveram alta médica é de 207. Um pouco mais de 11% das pessoas infectadas em Xapuri (36) são moradoras da zona rural.

No início deste mês, a prefeitura prorrogou o isolamento social no município por mais por mais 15 dias com a reformulação de algumas medidas, como a autorização do funcionamento de academias de ginástica, sob normas rígidas de prevenção, e a ampliação do horário de funcionamento de farmácias, que passaram a ficar abertas até as 22 horas – antes podiam funcionar até as 20 horas.

É perceptível, no entanto, que a maior parte do pequeno comércio de Xapuri voltou a funcionar, assim como o movimento de pessoas tem ocorrido de maneira aparentemente normal. Também não há mais a barreira sanitária na entrada da cidade, ação que foi substituída por blitzes móveis, realizadas em todos os bairros pelas equipes de combate à pandemia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *