Publicado em 17 de janeiro de 2013

ANP confirma aumento da quantidade de álcool na gasolina

A diretora-geral da Agência Nacional do Petróleo (ANP), Magda Chambriard, informou na manhã desta quinta-feira, que o percentual de etanol misturado na gasolina passará de 20% para 25%, no final da safra da cana-de-açúcar, possivelmente no mês de abril.

Demanda antiga dos usineiros, o aumento da mistura deve atenuar o impacto do reajuste que será anunciado (aumento de 7% ainda em janeiro). Além disso, a medida alivia a necessidade de importação de gasolina, um dos fortes responsáveis pelo déficit da balança comercial no início deste ano.

Atualmente, a estatal vem amargando prejuízos na área de abastecimento, porque importa gasolina para revendê-la, a preços mais baixos, no mercado brasileiro, o governo, controlador da Petrobras, não permite o repasse da instabilidade dos preços do petróleo para os combustíveis.

Ao chegar para evento da Transpetro, no Rio de Janeiro, a diretora confirmou para maio e novembro as rodadas de licitação da exploração de petróleo e gás, paradas à espera de definição das regras de distribuição de royalties.

“Estamos discutindo o passado, o futuro está pacificado”, destacou. Serão licitados 172 blocos. A expectativa é de muita procura, uma vez que as áreas aparecem entre as mais lucrativas. Magda Chambriard informou ainda que está previsto para este ano o primeiro leilão de gás xisto.

Deixe seu comentário

Mensagem (Obrigatório)