Publicado em 24 de abril de 2013

Governo anuncia concurso para delegados, peritos e médicos legistas

Concurso para 13 delegados e 13 peritos, além de dois médicos legistas com contrato específico para área criminal. Este foi o anúncio do governador Tião Viana ao entregar equipamentos e parabenizar a Polícia Civil pelo seu dia, comemorado em 21 de abril.

Governo entrega equipamentos e anuncia concurso para a Polícia Civil (Foto: Sérgio Vale/Secom)

Governo entrega equipamentos e anuncia concurso para a Polícia Civil (Foto: Sérgio Vale/Secom)

A Polícia Civil conta hoje com um efetivo de mais de 700 homens, e o governo do Estado está prestes a chamar os 240 novos integrantes para que iniciem a academia, aguardando apenas uma recomendação do Ministério Público para que se faça um novo teste psicotécnico, aumentando em um terço o número de policiais.

O governador Tião Viana comentou sobre a admiração e reverência que o governo tem pela Polícia Militar, desde os delegados aos mais simples servidores, que formam uma instituição coesa e forte e que cumprem um papel essencial na segurança pública. Tião defendeu a investigação como obrigação constitucional da Polícia Civil, entendendo que isso não afeta o Estado democrático de direito.

Emylson Farias, enfatiza que tanto os novos equipamentos quanto a contratação de delegados e peritos serão uma ajuda importante para o trabalho da instituição (Foto: Sérgio Vale/Secom)

Emylson Farias enfatiza que tanto os novos equipamentos quanto a contratação de delegados e peritos serão uma ajuda importante para o trabalho da instituição (Foto: Sérgio Vale/Secom)

“Eu me orgulho muito do trabalho que fazem, principalmente no combate à corrupção pública, crimes sexuais contra menores e tráfico de drogas. Mesmo nestes tempo difíceis, em que as transferências constitucionais diminuíram – já perdemos R$ 15 milhões em março e estamos perdendo R$ 56 milhões em abril, o que nos deixa numa situação muito difícil para o custeio do Estado -, vamos contratar 13 delegados, 13 peritos e dois médico-legistas, além de médicos para atuarem especificamente dentro da penitenciária. Isso é reconhecer e valorizar o trabalho de vocês”, disse o governador.

Tião também parabenizou pela criação de uma força-tarefa direcionada para o crime de roubo de gado e disse que o Estado vai se preparar para a criação de uma delegacia especializada em crimes contra o idoso.

O secretário de Segurança, Ildor Renir Graebner, reconheceu que, mesmo em tempos difíceis ocasionados pela situação de crise que o mundo, e consequentemente o Brasil, enfrenta, os policiais civis e militares não têm medido esforços para gerar resultados satisfatórios. “O governo também não tem medido esforços para minimizar os impactos, e cabe a nós, gestores, buscarmos soluções para isso. Uma delas é a força-tarefa, cujo convênio estamos concluindo, que vai integrar todos os órgãos de segurança do Estado com a Polícia Federal, Ministério Público e Defensoria Pública para otimizar os recursos humanos que temos, já que buscamos o mesmo objetivo”, explicou.

Para o diretor-geral da Polícia Civil, Emylson Farias, tanto os novos equipamentos quanto a contratação de delegados e peritos serão uma ajuda importante para o trabalho da instituição. “Temos uma dificuldade grande, principalmente nessa área de perícia criminal no Instituto Médico Legal, e isso vem ao encontro de nossa maior demanda neste momento. Os policiais civis, delegados e todo o corpo de servidores estão de parabéns por todo o esforço que fazem e pelos bons resultados que alcançam”, disse.

 

 

Equipamentos entregues

– 2 viaturas – caminhonetes

– 1 servidor (CPU)

– 2 computadores completos

– 2 máquinas multifuncionais

– 2 nobreaks

– 4 máquinas fotográficas

– 2 lentes

– 1 binóculo 8ª geração

Deixe seu comentário

Mensagem (Obrigatório)