Polícia Civil deflagra “Operação Muru ll” visando o combate à organização criminosa em Tarauacá

Nesta quinta-feira, dia 28, Polícia Civil, por meio da Delegacia de Combate as Ações Criminosas Organizadas (DRACO) com apoio da Coordenadoria de Operações e Recursos Especiais (CORE), deflagrou “Operação Muru ll” de combate ao tráfico de drogas e organização criminosa.

Ao todo, foram cumpridos 4 mandados de busca e apreensão e 1 de mandado de prisão.

Esta segunda fase da operação “Muru”é desdobramento da primeira fase da ação policial, deflagrada em novembro do ano passado onde foram cumpridos 11 mandados de busca e apreensão na ação de combate ao tráfico de droga e organização criminosa, com a prisão de 6 pessoas.

Todo material apreendido na primeira fase, foi submetido a perícia e análise o que resultou em laudos e relatórios que identificaram mais pessoas envolvidas com organização criminosa.

Além da pessoa presa, quatro pessoas foram conduzidas a delegacia para fins de interrogatório e indiciamento, pelo crime de organização criminosa. Crime pelo qual responderão em liberdade.

A ação policial contou com efetivo de 30 agentes de polícia da capital e dos municípios de Feijo e Tarauacá. Foram usadas ainda 10 viaturas durante a operação.

O coordenador da ação, delegado Pedro Paulo Buzolin, informou que esta segunda fase da operação é resultado de uma investigação de cerca de três meses e visa responsabilizar os integrantes da organização pelos seus atos, trazendo uma maior segurança à população de Tarauacá.

O nome da operação Muru faz referência à localização geográfica do município de Tarauacá que é banhado pelo rio do mesmo nome, que é afluente do rio Tarauacá.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *