Em audiência de custódia conselheiro de facção que coordenou ataque à Cidade do Povo tem prisão decretada

A Juíza Andrea de Brito homologou o flagrante e decretou a prisão preventiva de Elvis Presley de Sena Figueiredo.
A decisão foi tomada durante audiência de custódia realizada na sexta-feira, 2, no Fórum Criminal.
Scarpa, como é mais conhecido, foi indiciado na Delegacia de Flagrantes pelo crime de posse ilegal de arma de fogo de uso restrito, com o agravante de estar com a numeração raspada.
O criminoso foi preso na tarde de quinta-feira, 1ª, por investigadores da Delegacia de Homicídios da Polícia Civil.
Elvis Presley foi encontrado dentro do banheiro de uma casa, localizada na Rua Jatobá, no Residencial Santa Cruz.
Com o foragido os investigadores apreenderam uma pistola nove milímetros, dez munições, três carregadores, um colete balístico da Sejusp e R$ 670 em dinheiro.
Elvis Presley é apontado pela Polícia Civil como o responsável por comandar a invasão a Cidade do Povo.
Durante o ataque, ocorrido no dia 5 de abril deste ano, uma pessoa foi assassinada e sete ficaram feridas.
O criminoso já estava com um mandado de prisão preventiva em aberto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *