Acre é autorizado a realizar transplantes de fígado

O Ministério da Saúde (MS) concedeu autorização para que o Hospital das Clínicas do Acre (HC) possa realizar retiradas e transplantes de fígado. A decisão foi divulgada por meio da portaria nº 1.418, de 18 de dezembro de 2012, publicada no Diário Oficial da União desta quinta-feira, 19.

Quando há doação, o fígado é disponibilizado para a Central Nacional de Transplantes, que imediatamente consulta a lista nacional de espera para encontrar um doador compatível nos locais onde o transplante de fígado já é realizado. A partir de agora, os pacientes da fila de espera do Estado poderão ser beneficiados com as doações.

Acre recebe autorização do MS para realização de transplantes de fígado (Foto: Arquivo Sesacre)

Acre recebe autorização do MS para realização de transplantes de fígado (Foto: Arquivo Sesacre)

Em novembro, uma equipe do MS esteve em Rio Branco para conhecer o funcionamento do Serviço de Atendimento Especializado (SAE), Central de Transplante, leitos de observação e centros cirúrgicos do HC, a fim de verificar se o hospital e sua equipe de saúde teriam condições de realizar o procedimento.

Há dois anos o governo se prepara para realizar o serviço. A partir de agora, o Acre será o segundo estado da Região Norte a oferecer o transplante de fígado.  De acordo com a coordenadora da Central de Notificação, Captação e Distribuição de Órgãos do Acre (CNCDO/Acre), Regiane Ferrari, 12 pacientes já estão na fila para os primeiros transplantes.

“O transplante de fígado é um procedimento de alta complexidade. A aprovação do hospital para realizar captação e transplantes demonstra que o sistema de saúde do Acre está preparado e bem equipado para colaborar com os indicadores de saúde. O governador Tião Viana não mede esforços para ampliar os serviços de saúde e oferecer mais comodidade ao pacientes”, disse Regiane.

Esperança renovada

Flávio Câmara tem indicação para transplante de fígado e comemorou a oportunidade de realizar o procedimento no estado e perto de seus familiares.

“Essa notícia é um presente de Natal, pois saber que teremos oportunidade de fazer uma cirurgia dessa aqui é maravilhoso. A família é muito importante e nos fortalece na hora da fragilidade. Esse é mais um ganho para nós acreanos”, avaliou Flávio.

(Agência de Notícias)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *