Publicado em 28 de janeiro de 2014

Polícia Civil prende acusados de matar mulher com tiro no peito no Esperança

foto celianePoliciais civis prenderam na tarde de segunda-feira, 27, Gleyson Lima da Silva, 31, e Celiane da Silva Nascimento, de 22 anos. Os dois são acusados de matar a tiros, Márcia da Silva Brito, 20, crime ocorrido no dia 23 de dezembro de 2013, na rua 07 de Setembro, no bairro Esperança.

gleysonGleyson Silva foi capturado em uma colônia, localizada no quilômetro 60 da rodovia Transacreana e sua cúmplice na casa de familiares no bairro Sobral. As prisões foram realizadas por investigadores do Grupo Especial de Capturas da Polícia Civil, decorrente de investigação da equipe da delegada Kelcinaira Mesquita, da Delegacia da Mulher.

De acordo com o que a polícia, na época dos fatos, Márcia da Silva estava separada do marido há apenas três dias, quando decidiu ir para uma casa noturna do Segundo Distrito em companhia do casal, se divertir em uma boate localizada próxima a Gameleira.

Na boate, sob influência de bebida alcóolica, Gleyson Silvateria tentado beijar Márcia que chamou a amiga Celiane no banheiro e contou a ela a intenção do namorado dela. O trio discutiu e se envolveu em uma confusão dentro da boate sendo retirado por seguranças.

Após a discussão, decidiu ir para a casa do casal, quando por volta das 5 horas da manhã do dia seguinte vizinhos ouviram um disparo de arma de fogo, em seguida o casal saindo do local, às pressas. Um morador do bairro foi à residência saber o que tinha acontecido quando encontrou Márcia desfalecida sobre a cama de Gleyson.

“A prisão dos acusados é temporária de 30 dias, mas pode ser prorrogada se a autoridade policial entender necessário ou convertida em preventiva”, explicou a delegada Juliana D’Angelis, coordenadora da Delegacia da Mulher, durante a apresentação dos investigados nesta terça-feira.

Assessoria

Deixe seu comentário

Mensagem (Obrigatório)