Publicado em 6 de dezembro de 2017

SINTESAC mobiliza servidores da secretaria estadual de saúde, contra a terceirização dos serviços HUERB

Por: Ronaldo Guerra

Nem a chuva foi capaz de inibir a manifestação dos servidores da secretaria estadual de saúde, que interditaram parte da avenida nações unidas, em frente ao pronto socorro, em protesto contra a terceirização dos serviços do hospital de urgência e emergência de Rio Branco. 

O deputado estadual jenilson leite, do pc do b, que é médico e da base do governo na assembleia legislativa, se mostrava contrário a esse gesto do executivo, por entender que a ação vai gerar mais problemas que benefícios, em especial, aos trabalhadores, que são os responsáveis pelo funcionamento da unidade,  a relação profissional do deputado foi construída atuando no pronto socorro.

Adailton cruz ressalta que o SINTESAC já impetrou uma ação civil pública na justiça com o objetivo de barrar essa proposta do governo. O sindicalista lembra que o álibi usado pela SESACRE que a (organização social) assumindo o P.S. vai diminuir os gargalos é pura ilusão, o sindicato não vai deixar barato.

Antes de entregar o HUERB e o pronto socorro nas mãos da O.S, o governador precisa publicar um decreto, explicitando as obrigações da instituição com as unidades.  O secretário adjunto de saúde, rui arruda, explica que está havendo equívoco do sindicato, o que está sendo proposto é uma parceria, que vai aumentar a capacidade de atendimento, de leitos e acelerar a contratação dos serviços.

 

Deixe seu comentário

Mensagem (Obrigatório)